Ver-te dançar

Queria te ver dançar. Mas dançar antes da dança...
Como te preparas
Do modo que tu pões teu vestido que contornam e reverenciam tuas formas.
Teus cabelos sendo cuidados frente ao espelho. O mundo pára e vira simples moldura.
Teu batom rosado, cobrindo a carne suave de tua boca.
O modo como calças tuas sandálias baixas que adornam teus belos pés e artelhos. 

A música toca, teus olhos se fecham como se tu entronizasses os acordes e ritmos.
E tu mesma transforma-te em música.
Teu suor tem sabor de Salsa... Quente e viciante
Teus sorriso tem luz, de teus olhos sai o mel da vida.

Como será te ver dançar? 
Tocar teu corpo molhado, possuído por compassos e alegria.
Deusa encarnada em ritmos, movimentos e calor.
És mulher em perfumes e sons.
Abraça-me. Dança. Faça-me morrer e reviver.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Fila e a Oportunidade

Todos os Junhos do Ano

Veraneou