Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2012

Sobre a Sociedade

A sociedade é assim:

Se você é solteiro e não está namorando, ela pergunta: "E a namorada?"
Você namora e ela cobra: "E aí, quando sai o casório?"
Você casa, a sociedade quer saber: "Quando vem o neném?"
Você tem um filho, mal acaba o resguardo da mãe, surge a pergunta: "Vocês pensam em ter outro?"
A coisa desanda e você se divorcia. A sociedade em exclamação diz: "Que pena!"
Passa um tempo, você tenta refazer a sua vida... A sociedade vem e, numa espécie de déjà vu, indaga: "Já está namorando alguém?"
Em suma, a sociedade cobra, pergunta e espera de você um determinado comportamento. Para a sociedade, tudo tem que dar "certo", o tempo todo e com todo mundo. Mas quando não funciona, a sociedade não sente as suas dores, não resolve seus problemas e (em alguns casos) não atenua a sua humilhação.

A sociedade é igual aquele sujeito que senta num restaurante com você, mas na hora de dividir a conta, ele levanta e vai ao to…

Somos

Somos alma.
Somos um emaranhado de sins e nãos. Uma coleção de interrogações e respostas. De pontos finais e novos parágrafos. Começamos, terminamos, algumas vezes abandonamos no meio. Voltamos e retomamos. Somos arte, guerra, paz, verdades escondidas e mentiras gritantes. Somos fuga, somos busca, somos encontros e desencontros.
Somos corpo
Músculos, orgãos, tecidos, nervos, ossos, fluidos, combinações químicas. Somos amor, dor, prazer, gozo, preguiça, força, trabalho, folga, virtudes e pecados. Somos saúde, beleza, doenças, misérias, feiura. Juventude e velhice Somos espelho, insegurança, vaidade.
Somos gente.