Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2010

Toda a unanimidade é...

Eu tinha me prometido que não tocaria mais nesse assunto de envolvimentos de jogadores do Flamengo com o crime (organizado ou não). A promessa foi motivada por achar que o futebol deve ser analisado do ponto de vista dos resultados e dos fatos envolvendo os jogos e as instituições. Vou quebrá-la agora

Pausa para os fatos: o Flamengo foi campeão da Série A do Campeonato Brasileiro em 2009, ao passo que clubes que se julgam os guardiões da moral e dos bons costumes saíram da degola no apagar das luzes do campeonato.

Sigamos...

A galhofa que se faz do resultado das partidas, a brincadeira do dia seguinte é bacana. Mas o caso Bruno fez as pessoas perderem as estribeiras. Não bastasse o prejuízo à imagem do clube de maior torcida do país, há de se aturar gente que mistura um delinqüente formador de quadrilha — que, convenhamos, é um excelente goleiro — com a torcida do Flamengo. Verdades absolutas e instantâneas são perigosas. Mais ainda se formuladas sob os efeitos da paixão.

O crime choca, é…

Stevie Wonder - Too High

Faz tempo que não se fala única e exclusivamente de música por aqui. Não vejo momento melhor. Vamos então de Stevie Wonder. Não vejo alguém melhor.

Innervisions (Tamla/Motown, 1973) é um dos discos mais interessantes de Wonder. Está recheado de sucessos. E sucesso é aquilo, sempre tem regravações e novas versões. Deixo aqui a versão original de Too High uma leitura mais recente, de 2008, gravada por Dwele, um artista do neo-soul americano.

Stevie Wonder é um dos artistas mais importantes da história da música do século XX. Sua música é soul... é alma.

Too High...

Stevie Wonder - Too High

Dwele - Too High (Stevie Wonder Cover)

O que mata é o goleiro...

Bruno, o goleiro do Flamengo, entregou-se. Pudera, já não era sem tempo. Se for comprovada a culpa (e pelo visto não há mais o que negar), meu desejo é que ele pague o preço de tamanha barbárie nos rigores da lei.

Como se fosse pouco, Bruno não só mandou matar a Eliza Samudio. Ele deu cabo da moça, fez picadinho desta e a serviu de alimento aos cachorros. Para terminar, concretou os restos do banquete. É o supra-sumo da maldade. Coisa que nem nos filmes mais macabros costumamos ver.

Piadinhas a parte, fico triste por este monstro estar no meio esportivo brasileiro. Mais ainda, por ele ter defendido as cores do meu time de coração por tanto tempo. O goleiro é um personagem peculiar nos campos. Ele se veste diferente, joga com as mãos e geralmente impõe respeito. Tem até um ar de super-herói. A camisa de Bruno é uma das mais vendidas nas lojas de esportes. Meninos de todas das idades, dos quatro aos quarenta, vestem a malha amarela com a assinatura do jogador. E agora? Para o Flamengo, pr…

Bola pra frente.

Acabou. A segunda Era Dunga está terminada.

Nada demais, tudo de bom. Muito provavelmente, nos livraremos de Felipe Melo, aquele jogador com alma de Caveirão da PM. Estaremos libertos também de um técnico que, mesmo sendo coerente, era descompensado e rancoroso ― nada explica não ter dado uma última chance a Ronaldo Gaúcho, só mesmo os dribles que este dera em Dunga quando ainda na ativa.

Poderemos ver se Neymar e Ganso são isso tudo vestindo a amarelinha, ou se são somente suposições. Surgirão outros craques que farão jus à tradição brasileira no futebol. Teremos a obrigação de ter uma seleção espetacular, haja vista a realização do mundial em nosso solo.

Seleção Brasileira não é local de apostas e de tribos. Sendo assim, o cargo de técnico certamente não será ocupado por alguém que tem pinta de estagiário que não agüenta a pressão. Técnico da Seleção é isso aí, pressão 100% do tempo. Cobrança atrás de cobrança. Todo mundo se metendo e dando palpite. O incomodado que se mude.

A vida cont…

Good luck, Nigeria.

A agência de notícias Reuters anunciou: a seleção de futebol da Nigéria ficará dois anos fora de competições. Determinação do presidente do país, Goodluck Jonathan, que não ficou nada contente com o desempenho do time da Copa 2010 e visa uma revisão da estrutura do futebol nigeriano

A Nigéria é um país com certa freqüência nas últimas competições internacionais. É medalhista olímpica no esporte, batendo o Brasil (com Ronaldo e Rivaldo em campo). Tem jogadores espalhados pela Europa é tinha uma grande expectativa dos africanos de passarem, pelo menos, a primeira fase da Copa. Mesmo dividindo o grupo com a Argentina. No final das contas, foram desclassificados pelo arremedo de time de futebol grego.

Olha, se a medida não passar de demagogia e surtir efeito, será um grande exemplo para africanos e alguns medalhões do futebol internacional. Principalmente, a França, pagadora do maior mico deste mundial.

O nome do presidente nigeriano é sugestivo. Goodluck, não é nada mais do que “boa sorte” …